Saldos? Claro que sim! Afinal, uma rapariga é sempre uma rapariga!

por

Ir aos saldos é cansativo, mas obrigatório! Esta é uma das épocas do ano mais esperadas por qualquer rapariga que se preze! Além disso, há sempre formas de fugir ao alvoroço – e por vezes verdadeiras disputas! – de mulheres que se transformam por qualquer trapinho mais barato! 😊

Como é muito fácil nos cansarmos e nos perdermos em tentações e gastar muito mais do que o que queremos, este ano decidi planear os meus saldos! Posso dizer que fui bem sucedida e ainda por cima sem gastar demasiada energia!

Estabelecer um orçamento

Em primeiro lugar estabeleci um budget! Comprar por impulso é um dos maiores erros passíveis de cometer nos saldos e às vezes até acabamos por comprar peças que nunca vamos usar apenas porque estavam mais baratas.

Olhar duas vezes para os artigos

Depois, prometi que desta vez iria olhar bem para os artigos. A verdade é que embora sejam produtos que se vendem com preços mais acessíveis, estes não podem apresentar defeitos sem estar devidamente assinalados.

Comprar de manhã

Este ano fui ao centro comercial nas melhores horas para os saldos: de manhã! Não nego que foi cansativo, até porque tive de espreitar todas as lojas que gosto 😊, mas poupei no tempo das filas para os provadores e para as caixas e, além disso, encontrei lojas ainda arrumadas, o que facilitou o meu processo de escolha!

Saldos sem pressas

Já o ditado diz que a pressa é inimiga da perfeição. Por isso, em vez de fazer tudo a correr decidi gastar o tempo necessário na tarefa. E, desta vez, trouxe exatamente o que queria trazer para casa ao melhor preço.

Sim, é sempre cansativo, mas posso orgulhar-me de dizer que o cansaço acabou por desaparecer e eu consegui comprar aquele casaco pelo qual esperei o inverno inteiro a um terço do preço!!

0
Sem tags 0

Ainda sem comentários.

O que pensa?

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.